Confissão Pastoral #1: Por uma visão Apocalíptica, Agora!

Recebi hoje, com muita alegria, a primeira carta do site. Com apenas duas semanas de funcionamento, muito me alegra que já existam pastores adventistas compreendendo a função desse espaço. Fico feliz em publicar abaixo a carta de meu amigo Pr. Leandro Dakel.

Estou perplexo com algo em nossa igreja. Não vemos muitos membros interessados em aprender o apocalipse, muito menos compartilhá-lo com os protestantes e católicos.

A nova obra de George Knight me fez refletir que tipo de igreja estou formando como pastor (uma igreja “ecumênica”, ou uma igreja “distintiva”?).

Uma irmã batizada de meu distrito me declarou hoje (31 de março) que “não achava diferença em visitar igreja A ou B, pois ‘placa de igreja não salva ninguém!'”…

Nossos jovens não estudam mais o Apocalipse (às vezes, um recém-batizado de conferência que conclui o estudo “O Grande Conflito” sabe mais sobre o Apocalipse que um irmão de 10 anos de igreja).

No sermão sobre profecias perguntei: alguém sabe o dia, o mês e o ano do início do juízo investigativo pré-advento, a data que Jesus passou do santo pro santíssimo? zZZzzZZZzzz …. ! Que silêncio na igreja central… Ainda bem que tínhamos um ancião salvador da pátria: “É 22 de outubro de 1844, pastor!” … Resolvi alfinetar mais uma vez:

Quando começou os dois mil e duzentos anos de Daniel e Apocalipse? …

– dessa vez, sem resultado!

Que tipo de mensagem os adventistas têm hoje pra pregar!? Só sábado, carne de porco e dízimo? Isso me preocupa!

Que Deus dê sabedoria aos pastores, aos administradores e aos líderes locais, para que leiam o livro “A Visão Apocalíptica”, e não permitam que as circunstâncias atuais esterilizem o adventismo moderno!

For an Apocaliptical Vision, NOW!


Pr. Leandro Dakel
Distrital em Rio Maria
Associação Sul do Pará